jump to navigation

Entrevistas – Thunder Force III e Thunder Force II 21 21America/Bahia novembro 21America/Bahia 2016

Posted by bluepasj in GENESISTÓRIAS, Traduções.
Tags: , ,
trackback

thunder-force-iii-3-mega-drive

Esta entrevista com graduado na Technosoft Naosuke Arai foi tirada de um artigo mais longo da Famitsu discutindo o lançamento do remaster de Thunder Force II para o 3DS. Também foram adicionados outro excerto menor: uma entrevista de 1989 com o fundador e presidente da Technosoft Tomio Ozono sobre sua entrada no desenvolvimento para Mega Drive. No original no shmuplations há também tem um pequeno memorial do Naosuke Arai para o Ozono, que morreu em 2014, que eu omiti em minha tradução.

Naosuke Arai – Editor de som/compositor/diretor (TFV)
Yosuke Okunari – Produtor dos Sega 3D Classics
Naoki Horii – Presidente da M2

-Eu gostaria de usar essa oportunidade agora para perguntar algumas questões sobre coisas do passado, de quando vocês estavam desenvolvendo a série Thunder Force. Como foi para a Technosoft durante a transição do X68000 para o Mega Drive?

Arai: O X68000 compartilha a mesma CPU e chip de som FM do Mega Drive, então nosso presidente na época, Tomio Ozono, achou que seria uma transição tecnologicamente suave. Ainda assim, quando olho para trás, parece uma decisão bem ousada!

Okunari: Certo. Até então a Technosoft só tinha feito jogos para PC, mas com o port de Thunder Force II para o Mega Drive, eles mudaram completamente para o mercado de consoles.

Arai: O fato de que o Thunder Force II foi um grande hit e os jogadores de Mega Drive estavam bem impressionados com ele foi algo grande para nós lá atrás. Antigamente não havia internet, e o único feedback que se tinha vinha dos reviews das revistas de videogame e comentários/questionários via correio que os jogadores nos enviavam. Naturalmente nós liamos essas cartas, mas eu me lembro que depois do Thunder Force II, o número de cartas que recebíamos aumentou consideravelmente.

– Diferentemente do port de TFII, Thunder Force III foi feito especificamente para o Mega Drive. O que levou à sua criação?

Arai: Bem, eu devia dizer que cada pessoa na Technosoft tinha sua opinião sobre o assunto, mas depois do Thunder Force II, muitos de nós sentíamos que não havíamos aproveitado todo o potencial do hardware do Mega Drive, e que havia muitas coisas que podíamos ter feito melhor. Apesar disso, a verdade é que nós sempre quisemos fazer um shmup assim, e o Thunder Force III foi o produto no qual despejamos todos esses sentimentos. Haviam também preocupações empresariais: nós queríamos capitalizar no conhecimento que ganhamos portando TFII, e rapidamente trazer um novo título ao mercado.

O veterano da Technosoft Naosuke Arai, antes e agora

O veterano da Technosoft Naosuke Arai, antes e agora

– Eu esperaria que o Thunder Force III incluísse mais clichés dos shmups de antigamente: um estágio que se move rapidamente, lutar contra uma espaçonave gigantesca, etc. A ausência dessas coisas talvez indique um antagonismo direcionado aos jogos de árcade por parte do time de planejamento?

Arai: Na verdade, Thunder Force III não tinha um planejador designado. Ao invés disso, os programadores e designers faziam essas decisões organicamente, falando das coisas enquanto progrediam: “Oh, vamos fazer isso” ou “isso fica melhor aqui”. A maioria dos desenvolvedores já eram fãs dos shmups, então eles podiam se apoiar nas suas intuições.

-Thunder Force III atraiu atenção também por causa do feito tecnológico do efeito raster das chamas ondulantes no estágio Hydra.

Arai: Eu acho que ver Gradius jogável no X68000 foi uma grande influência para nós desenvolvedores. Aqui estava um PC que podia rodar jogos com qualidade arcade – e era uma máquina de desenvolvimento também! Por causa dessa fundação que tínhamos em desenvolver Thunder Force II para o X68000, eu acho que pudemos facilmente entender o Mega Drive. No final das contas é tudo sobre experiência, certo? Nós pudemos fazer algo bom por causa de todo o know-how acumulado.

Okunari: E sobre a música que vocês fizeram para esses jogos – a Technosoft usou o mesmo hardware que outras empresas, mas a qualidade de sua música estava um nível acima de outros jogos do Mega Drive à época, com FM claro, profundo e impactante.

Arai: Antigamente quanto eu estava trabalhando nos efeitos sonoros nós também estávamos criando o drive de som e as ferramentas de edição.

Horii: Lá atrás em 1988, apesar do fato de que o Mega Drive tinha um chip OPN2 mais poderoso (o YM2612) para síntese FM, a maioria dos desenvolvedores estava usando ele para música fácil que soava como qualquer outro OPLL mais velho. Talvez isso seja um exagero, mas por pouco. (risos) Mas Thunder Force II MD foi completamente diferente.

Arai: O chip YM2612 no Mega Drive era o mesmo que o YM2608 usava no último modelo da série PC-88, e a programação de música no Mega Drive também era feita em z80. Então novamente, nós fomos verdadeiramente capazes de capitalizar na nossa experiência previa desenvolvendo jogos para o PC-88.

-Era uma prática comum antigamente as companhias não revelarem os nomes dos desenvolvedores, então nós muitas vezes não sabemos exatamente quem fez o que. Os membros dos times que desenvolveram todos os Thunder Force eram os mesmos?

Arai: Agora que o tempo passou, posso falar sobre isso, mas sim, o TFII e o TFIII tinham o mesmo time, mas o IV foi feito por grupo totalmente diferente (excluindo o som). Por essa razão, e por que o time realmente sentiu que precisava superar as realizações dos Thunder Force anteriores, TFIV levou um longo tempo pra ser finalizado.

Horii: Eu li que o TFIV teve um grande número de membros novos. Eles reusaram muito do código anterior, entretanto?

Arai: Muito do código básico foi reusado. Antes de TFIV, o time tinha trabalhado exaustivamente no port de Devil Crush para MD, o que aumentou suas habilidades, e quando o tempo veio para escolherem um projeto original para trabalharem, escolheram Thunder Force IV.

– Isso é um pouco uma curiosidade, mas eu sempre quis saber: quem fez a voz feminina da operadora de naves em TFIII e TFIV?

Arai: Nós tínhamos essa coisa de relações públicas antigamente, um grupo de ídolos chamado “Technosoft Gal’s Club” (clube das garotas Technosoft) (risos) A voz foi feita por uma delas.

technosoft-gals-club

O Technosoft Gal’s Club

[o original do shmuplations tem três questões sobre o TF II do 3DS que deixei de fora]

Thunder Force II MD – Entrevista Com Desenvolvedores em 1989
Com o presidente da Technosoft Tomio Ozono
Originalmente publicado na BEEP! Megadrive

ozono.jpg

Toshio Ozono, antigo presidente da Technosoft

– Dos novos desenvolvedores 3rd party do Mega Drive, vocês foram os que lançaram um jogo mais rapidamente. Quando vocês começaram a pensar em entrar no desenvolvimento para o Mega Drive?

Ozono: Nós anunciamos nossa entrada no desenvolvimento para Mega Drive na conferência da PC Game Developer Association dezembro passado, mas já estávamos pensando em nos envolver em desenvolver para consoles por um tempo antes disso. Nós estávamos particularmente interessados no Mega Drive, que compartilha a mesma CPU que o X68000.

– No fim das contas acabou sendo um movimento lucrativo para a Technosoft?

Ozono: O volume de vendas potenciais dos jogos de Mega Drive vastamente supera o do mercado de jogos de PC, e enquanto o preço de um jogo de Mega Drive individual é menor, o volume compensou por isso.

– Como tem sido a reação ao Thunder Force II MD até agora?

Ozono: Bem favorável. Muitas pessoas me disseram que os gráficos e músicas são os melhores entre qualquer jogo no mercado hoje. Com a música, especialmente, nós temos pessoas que nos disseram que gostaram tanto que compraram a trilha sonora para ouvi-la mais.

– Houve algo em particular em que você prestou atenção ao portar o TFII do X68000 para o Mega Drive?

Ozono: A versão X68000 de Thunder Force II era um jogo muito difícil, então tentamos fazer o port para o Mega Drive um pouco mais fácil, um pouco mais balanceado no geral. Graficamente, tentamos utilizar as capacidades especiais do Mega Drive ao máximo. Entretanto, sendo um port de um jogo de X68000, diminuir todo aquele volume de dados ao tamanho de um cartucho de Mega Drive foi bastante desafiador.

-Thunder Force II MD é um shmup, mas você planeja fazer o desenvolvimento de shmups o foco primário?

Ozono: A Sega falou conosco sobre fazer uma sequencia pra o Thunder Force II MD. Entretanto, se continuarmos a fazer jogos Thunder Force, me preocupo que as pessoas vão nos ver como companhia que só faz shmups, então nosso segundo jogo para Mega Drive vai ser um RTS (estratégia em tempo real) chamado Herzog Zwei, e deve sair até o final do ano. Nós queríamos há muito tempo fazer um RTS tático profundo na Technosoft.

– Vocês já pensaram em fazer jogos para o modem de Mega Drive, CD-ROM ou outros periféricos?

Ozono: A Sega nos perguntou se podíamos incluir suporte ao modem para Herzog Zwei, mas iria requerir muitos dados para serem trocados em tempo real, então é algo que guardaremos pra um jogo futuro.

– O que você acha do Super Nintendo?

Ozono: Estamos interessados nele. Mas dos consoles de videogame aí fora hoje em dia, o Mega Drive tem as especificações mais altas e uma CPU 68000, então foi uma escolha fácil para nós. O Super Nintendo ainda é algo um pouco distante, mas estamos pensando seriamente nisso.

– Por favor dê uma mensagem final aos nossos leitores.

Ozono: Na Technosoft, estamos comprometidos em fazer novos jogos para o Mega Drive que aproveitem o potencial total do hardware. De jogabilidade a gráficos e som, em todas as frentes queremos criar produtos de excelência. Pretendemos suportar a série Thunder Force no futuro. O nome Technosoft ainda é relativamente desconhecido entre os jogadores, então se você não tem Thunder Force II MD ainda, certifique-se de experimentá-lo na casa de uma amigo!

technosoft-offices.jpg

Os escritórios da Technosoft em 1989

Fonte: Shmuplations

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: