jump to navigation

Ilegal e Violento 31 31America/Bahia agosto 31America/Bahia 2016

Posted by bluepasj in GENESISTÓRIAS.
Tags: , , , , , , ,
trackback
Skitchin000

CUIDADO Este jogo contém retratações fictícias de ações e manobras, algumas das quais são extremamente perigosas. TENTAR ESSES ATOS OU MANOBRAS PODE CAUSAR SÉRIAS CONTUSÕES. Não se envolva em nenhuma das ATIVIDADES PERIGOSAS mostradas nesse jogo.

O Mega Drive se popularizou com a fama de ser um console mais maduro, feito para um público mais velho. Embora eu não veja isso como absoluta verdade, eu acho que os jogos naquela época eram mais para adolescentes, enquanto antes eram mais para crianças. Talvez acompanhando o envelhecimento dos gamers que haviam começado a jogar em gerações anteriores. Mas o fato é que a Sega e suas aliadas se aproveitaram desses jovens que eram o público dos jogos. Vou comentar aqui sobre alguns jogos da época.

 

Primeiro alguns jogos que usavam da ilegalidade pra ser cooledgy e todas essas palavras difíceis de traduzir para português.

Road Rash

RoadRash2000.png

Sobre rachas de moto, corridas no meio do trânsito e envolvendo violência física. Inclusive, a polícia pode te prender.

Skitchin

138866-skitchin-genesis-screenshot-big-jumps

Sobre patinação de rua no meio do tráfego, pegando beirão nos carros e atacando os competidores com socos e pontapés.

Bonanza Bros
É um jogo do Master System na verdade, postei ele aqui só por motivos de completude. Ele é sobre dois irmãos ladrões, então não deixa de ser sobre algo ilegal.

Bonanza_Brothers_GEN_ScreenShot3


E agora alguns jogos violentos, já que ao contrário da concorrência a Sega não costumava censurar seus jogos. Isso ajudou a definir o console mercadologicamente.

mkombat.gifMortal Kombat
Mortal Kombat gerou muita controvérsia quando foi lançado nos arcades. Ele e outros jogos igualmente violentos foram levados aos tribunais, onde políticos debatiam a violência nos jogos. Foi graças a essa polêmica que a indústria de games criou um sistema de classificação de jogos por idade com base em seu conteúdo, o predecessor do ESRB, o modelo adotado hoje em dia. E grande parte dessa polêmica com certeza tinha a ver com as versões caseiras desses jogos, que se podia jogar do conforto do lar. A versão MD até tem censura, mas com um simples código, coisa comum nos jogos da época, era fácil de-censurar o jogo.

Splatterhouse
A série começou nos Arcades, mas o segundo e o terceiro jogo foram feitos diretamente para o MD. Se trata de uma série de hack ‘n slash (aptamente traduz-se para fatiar e cortar) – gênero de jogo onde se bate nos inimigos usando armas brancas – que tem temática de filme de terror e cujo personagem principal lembra (muito) o famoso assassino em série Jason Vorhees da cinesérie Sexta-Feira 13.

75331-splatterhouse-2-genesis-screenshot-zombies-in-the-dungeon
The Immortal
Um port de PC da época, mantém toda sua violência. O jogo é isométrico de aventura sobre um mago tentando encontrar seu mentor em um labirinto.

The_Immortal_MegaDrive_Genesis_version_Death_Scenes

Doom Troopers
Jogo que se passa no universo do RPG de mesa Mutant Chronicle. O jogo é um spin-off do card game Doom Trooper e é um shooter lateral ala Contra.

Doom Troopers - The Mutant Chronicles001

Eternal Champions
O jogo de luta da Sega tenta pegar carona no sucesso de Mortal Kombat (assim como Killer Instinct do Snes (que tinha violência suave)), pegando também elementos de Street Fighter 2. Os aspectos técnicos e artísticos são bons, só é uma pena que a jogabilidade não seja. O jogo é bastante violento, inclusive a versão Sega CD é bem mais violenta que qualquer Mortal Kombat da época. Mas não é como se a versão MD fosse completamente ausente de violência.

Castlevania & Contra
O Contra e o Castlevania exclusivos do Mega são notavelmente mais dark, mais sangrentos que outros jogos de suas respectivas séries.


A seguir, alguns dos jogos mais violentos do MD segundo os sistemas de classificação etária. E também alguns dos mais inofensivos.

Lethal Enforcers II
O light gun da Konami em classificação para maiores de 17 anos (MA-17) segundo o Videogame Rating Council (VRC).

Mortal Kombat II
O sangrento jogo de luta da Capcom leva a mesma classificação no VRC. Já na Austrália, recebeu classificação para maiores de 15 anos acompanhados. A capa americana explicita ser para maiores de 17 anos. Já o órgão europeu ELSPA o classifica 15+. Vale lembrar que o primeiro MK foi um dos jogos que já foram banidos no Brasil por um tempo.

True Lies
É um jogo que a própria Sega os classificou como “não indicado para menores de 18 anos”.

Mortal Kombat 3/Ultimate Mortal Kombat 3
Ambos foram classificados pela ESRB, a mesma que classifica os jogos nos EUA até hoje. Ambos tiveram classificação madura (M – Mature), com a capa de UMK3 especificamente mencionando ser apenas para maiores de 17 anos, o que é interessante comparando que a do primeiro MK coloca a linha nos 13 anos de idade.

Time Killers
O jogo de luta cartunesco com desmembramentos também ganhou classificação M (madura) pela ESRB.

A OFLC australiana também classifica como para maiores de 15 anos acompanhados os jogos Fatal Fury 2, Judge Dredd, Streets of Rage e Streets of Rage 3. A título de curiosidade, na classificação da Sega o Judge Dredd é indicado para todas as idades.

Já os jogos classificados para todo mundo (everyone) pelo ESRB são BOB, Bulls vs Lakers, Frogger e, estranhamente, Jungle Strike. O predecessor de Jungle Strike, Desert Strike, é classificado pela alemã USK como sendo para todas as idades sem restrições também. Castlevania Bloodlines, apesar de ter sido até censurado na versão européia, em sua versão não-censurada americana foi classificado para todas as idades.

Fontes: GameFaqs;
MobyGames;
Wikipedia.

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: